Topo
Blog do Marcio Atalla

Blog do Marcio Atalla

Categorias

Histórico

Tremer ao fazer exercícios é bom ou ruim?

Marcio Atalla

08/08/2019 04h00

Crédito: iStock

Semana passada recebi um e-mail que me chamou a atenção… Primeiro porque adoro saber que pessoas, de alguma forma, se sentiram estimuladas pelas dicas e coisas que escrevo e conseguiram, dessa forma, mudar o estilo de vida. Nele, a pessoa dizia:

"Olá, Marcio, comecei a acompanhar seus textos no UOL VivaBem regularmente e também no Instagram. Comecei a treinar há pouco mais de 1 ano, eu pesava 105 kg e agora estou com 89 kg. Treino seis vezes por semana entre por uma hora e meia a duas horas. Tenho facilidade de fazer exercícios em alta intensidade e atualmente realizo aeróbicos, musculação, pilates, crossfit, etc.

Mas, tem uma coisa me incomodando… Durante os treinos, em alguns exercícios meu corpo treme muito. Parece que estou numa geladeira. Às vezes, tremo tanto que tenho que parar para estabilizar. Esses tremores são bons ou ruins? Devo me preocupar? Eles acontecem principalmente nas pernas, exercício de prancha, então… Tá difícil manter a estabilidade. Me ajuda?"

Outra coisa que me interessou foi a questão da tremedeira nas pernas. Recentemente, assisti a um vídeo da Gracyanne Barbosa treinando muito forte e suas pernas tremiam muito. E estamos falando de uma pessoa superpreparada, que treina forte e com acompanhamento de profissional. Mas, claro, ela é um ponto fora da curva, porque faz esse trabalho para participar de competições de fisiculturismo. Nesse caso, a tremedeira esta associada ao esforço enorme e ao fato de ela estar recrutando praticamente todas as fibras musculares a exaustão. O objetivo é provocar microlesões dessas fibras que ativam o processo de hipertrofia muscular.

Em outros casos, a tremedeira pode ser por conta da falta de força nos músculos. Seria ideal reduzir a carga e conquistar a força muscular aos poucos. Ou pode ser também um quadro de overtraining, ou seja, você está pedindo mais do seu corpo que ele pode dar, e a sua performance começa a cair, e até mesmo pode haver perda de massa muscular.

De qualquer forma, é sempre bom ter uma avaliação médica. Existe um chance de tremedeiras no corpo estarem ligadas a problemas neurológicos. Mas, de todo jeito, é muito bacana saber que nosso caro leitor mudou seu estilo de vida e perdeu 16 quilos ao longo de um ano, o que é muito saudável. Seria interessante, para que ele se mantenha sempre bem, evitar esse mal-estar, essa tremedeira, e colocar sempre a qualidade de vida na frente, procurando deixar o treino estimulante, mas sem efeitos colaterais.

No vídeo de hoje do Canal BemStar, vou conversar com Marten Dihmer sobre o método Franklin, muito usado nos Estados Unidos para quem quer melhorar a postura, respiração, e ganhar consciência corporal e condicionamento físico..

Até!

Sobre o autor

Marcio Atalla é professor de educação física, com pós-graduação em nutrição pela USP (Universidade de São Paulo). Depois de muitos anos como preparador físico de atletas de alto rendimento, passou a desenvolver uma série de iniciativas na mídia para incentivar a população a levar uma vida mais saudável. É autor de três livros, entre eles, “Sua Vida em Movimento” (ed. Paralela), com mais de 50 mil cópias vendidas.

Sobre o blog

Dicas simples e muito eficazes para você ajustar seu estilo de vida aos poucos, começando a se movimentar mais e a fazer melhores escolhas alimentares. Detalhe fundamental: todas baseadas em estudos, sem espaço para mitos e modismos que sempre surgem quando o assunto é saúde e bem-estar.