PUBLICIDADE

Topo

Histórico

Categorias

Blog do Marcio Atalla

Como recuperar massa muscular perdida após problema de saúde?

Marcio Atalla

09/04/2020 04h00

iStock

A pergunta dessa semana vem de Barretos, interior de São Paulo, e a Joelma Martins nos escreve assim:

"Olá Marcio, há uns três anos tive uma crise de gastrite que me fez perder muito peso em pouco tempo, cerca de 15 quilos em menos de 2 meses, porém esses quilos foram praticamente só de massa magra. Quando a gastrite foi controlada e voltei a comer 'normal', engordei os 15 quilos e de gordura. Em resumo: hoje estou com 41% de gordura corporal e 68 kg. Preciso perder um pouco de peso, pois tenho 1,62m. Para perder gordura e ganhar massa, qual tipo de treino é mais eficaz: musculação ou funcional? Treino, em média, 5 vezes na semana, e não conseguiria dividir isso entre o funcional e a musculação, pois o custo é alto. Desde já agradeço."

Se você também tem alguma dúvida, mande para o e-mail vivabemuol@uol.com.br.

Poxa, Joelma, realmente o que aconteceu com você é bem ruim no que diz respeito à saúde. Como são as coisas, né? Para cuidar de um problema, você acabou arrumando outro, que no momento são apenas alguns quilos a mais, mas que a longo prazo, se não for revertido, é uma possibilidade de dar início a uma série de processos em nosso corpo, que podem acabar desencadeando outros problemas mais sérios, como diabetes, osteoporose, elevação do colesterol, etc.

Perder muitos quilos de músculos significa reduzir o ritmo metabólico de forma drástica. Um corpo com mais músculos gasta mais calorias apenas para se manter vivo do que um corpo com menor quantidade de massa muscular.

Na hora que você ganhou os 15 quilos de volta, veio tudo em forma de gordura, praticamente. Fazendo uma comparação, o músculo e um tecido ativo, "gastão", já a gordura é um tecido preguiçoso, que gasta menos energia, cerca de 5 a 6 vezes menos calorias quando comparado com o músculo. Um quilo de músculo gasta durante o dia cerca de 40 calorias, já 1 quilo de gordura gasta cerca de 8 calorias.

Mas a ótima noticia é que você não quer que isso aconteça e já está focada em voltar a treinar e reverter a perda de massa muscular, e de quebra perder uns quilinhos. Excelente.

Quanto à sua pergunta, em relação a fazer musculação ou funcional, as duas atividades vão promover ganho de músculos, eu diria para você optar pela que gosta mais de fazer, a que tenha mais prazer em realizar.

A musculação, por oferecer exercícios em que se pode colocar bastante carga, não chega a ser mais ou menos eficiente que os exercícios funcionais, que por vezes, usamos apenas o peso do próprio corpo.

A intensidade do exercício, a quantidade de repetições, a velocidade e o nível de dificuldade dos movimentos é que são pontos importantes quanto ao ganho de massa muscular. Porém, como você também pretende perder o excesso de gordura, seria interessante associar ao exercício de força alguma atividade aeróbica também, como caminhada, corrida, ciclismo ou natação.

Dando aquela atenção à alimentação, pensando em comer de forma equilibrada e sem exageros, e mantendo a regularidade na atividade física, você recupera sua saúde e sua composição corporal, como antes.

Até!

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Marcio Atalla é professor de educação física, com pós-graduação em nutrição pela USP (Universidade de São Paulo). Depois de muitos anos como preparador físico de atletas de alto rendimento, passou a desenvolver uma série de iniciativas na mídia para incentivar a população a levar uma vida mais saudável. É autor de três livros, entre eles, “Sua Vida em Movimento” (ed. Paralela), com mais de 50 mil cópias vendidas.

Sobre o blog

Dicas simples e muito eficazes para você ajustar seu estilo de vida aos poucos, começando a se movimentar mais e a fazer melhores escolhas alimentares. Detalhe fundamental: todas baseadas em estudos, sem espaço para mitos e modismos que sempre surgem quando o assunto é saúde e bem-estar.

Blog do Marcio Atalla